sábado, 26 de março de 2016

Melhores Momentos do jogo: Brasil 2X2 Uruguai


Com uma grande atuação do meio-campo para frente, principalmente no primeiro tempo, mas falhas importantes na defesa, a Seleção brasileira empatou com o Uruguai em 2 a 2 nesta sexta-feira na Arena Pernambuco, em jogo válido pela quinta rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.


"Suarez destaca rebeldia e caráter do Uruguai para empatar".

Brasil sente que perdeu controle ao sofrer 1º gol do Uruguai.

Neymar leva amarelo e desfalca Seleção contra o Paraguai.



Cavani comemora seu gol contra o Brasil pelas Eliminatórias da Copa de 2018.

O empate em casa, na cidade de São Lourenço da Mata, na Grande Recife, pode ser explicado na palavra da moda no futebol: "equilíbrio". O setor ofensivo foi bem e marcou dois gols na etapa inicial, com Douglas Costa e Renato Augusto, mas a retaguarda de uma forma geral e em particular David Luiz falharam duas vezes, permitindo que Cavani e Luis Suárez deixassem tudo igual.

Num jogo que pareceu fácil no começo, a equipe pentacampeã mundial somou apenas um ponto e foi a oito, na terceira posição da classificatória por superar Paraguai e Argentina no saldo de gols. O Uruguai é vice-líder, com dez, a três do líder Equador.

As duas equipes voltarão a campo na próxima terça-feira. O Brasil terá a dura missão de ir a Assunção encarar os paraguaios, enquanto a 'Celeste' enfrentará o Peru em Montevidéu.

A Seleção brasileira teve apenas um desfalque entre os considerados titulares, o meia Elias, que se recupera de uma lesão no músculo reto do abdômen. Quem ficou com a vaga foi Fernandinho. A outra modificação em relação à última partida da equipe, a vitória sobre o Peru por 3 a 0 em novembro, foi o retorno de David Luiz, que cumpriu suspensão.

Pelo Uruguai, o jogo marcou o retorno de Suárez a jogos oficiais da seleção uruguaia após quase dois anos. Ele estava fora desde a vitória sobre a Itália pela fase de grupos da Copa de 2014, em que mordeu o zagueiro adversário Giorgio Chiellini. Com isso, recebeu suspensão e foi desfalque durante a Copa América e as quatro primeiras partidas pelas Eliminatórias.

Por outro lado, Óscar Tabárez não pôde contar com o lateral-direito Maxi Pereira, suspenso, nem com a dupla de ataque titular, formada por Diego Godín e José Giménez. Sebastián Coates e Mauricio Victorino, ex-jogador de Cruzeiro e Palmeiras, foram os substitutos.

Além deles, no meio também, entraram Matías Vecino e Cristian Rodríguez, ex-Grêmio, nas vagas de Matias Corujo e Nicolás Lodeiro, que tem passagem por Botafogo e Corinthians.

                Macimina Baracho

Nenhum comentário:

Postar um comentário