terça-feira, 28 de junho de 2016

AS REFORMAS ORTOGRÁFICAS NO BRASIL (Para entender a polêmica do nome do Assú)


HISTÓRICO:

Desde o início do século XX os países lusófonos (de língua portuguesa) buscam um modelo para a língua escrita. Confira algumas das principais tentativas de unificação:

1911 – Primeira Reforma Ortográfica: tentativa de unificar e simplificar a escrita de algumas formas gráficas.

1915 – A Academia Brasileira de Letras resolve alinhar a ortografia com a portuguesa.

1919 – A Academia Brasileira de Letras revoga a sua resolução de 1915.

1924 – Portugal e Brasil começam a procurar uma grafia comum.

1931 – Foi aprovado o primeiro Acordo Ortográfico entre Brasil e Portugal, contudo ele não foi posto em prática.

1943 – Foi redigido, na primeira Convenção Ortográfica entre Brasil e Portugal, o Formulário Ortográfico de 1943.

ATENÇÃO:

O Formulário Ortográfico de 1943 impôs que: Palavras de origem indígena escritas com SS, passariam a serem escritas com Ç. Diante desse fato, algumas pessoas passaram a escreverem AÇÚ e MOÇORÓ (por exemplo), sem levarem em consideração se tratarem de nomes próprios, registrados e, para esses casos, não existem (até hoje) regras.

Mesmo assim, no capítulo XI – que trata de NOMES PRÓPRIOS, artigo 42, o Formulário já deixava claro que:

42 - Os topônimos de tradição histórica secular não sofrem alteração alguma na sua grafia, quando já esteja consagrada pelo consenso diuturno dos brasileiros. Sirva de exemplo o topônimo "Bahia", que conservará esta forma quando se aplicar em referência ao Estado e à cidade que têm esse nome.

1945 - O acordo ortográfico tornou-se lei em Portugal, mas no Brasil não foi ratificado pelo Governo. Os brasileiros continuaram a regular-se pela ortografia anterior, do Vocabulário de 1943.

1971 – Foram oficializadas alterações no Brasil, o que diminuiu as diferenças ortográficas com Portugal.

ATENÇÃO:

Mais uma vez o nome do ASSÚ foi atingido. Vejamos:

ACENTUAÇÃO DAS OXÍTONAS - Acentuam-se as palavras oxítonas terminadas em "a", "e", "o", seguidas ou não de s; e também com as terminações "em" e "ens". Não se acentuam as oxítonas terminadas em: az, ez, iz, oz, uz, i(s) e U(s).

Novamente não levaram em consideração que o ASSÚ é um nome próprio, registrado.

Como o idioma Português não é fácil, vamos tomar como exemplos as palavras “PITU” e “PITÚ”. Observamos que a primeira não contém acentuação gráfica, mas a segunda (Pitú) é acentuada. Pitu (sem acento gráfico) tem dois significados: 1) Macrobrachium carcinus - crustáceo de água doce, também chamado de lagostim; 2. Metanephrops rubellus - crustáceo de água salgada, também chamado de lagostim.

Já a palavra Pitú - é uma marca de aguardente de cana-de-açúcar (tipo de cachaça). A Pitú, empresa de mesmo nome, foi fundada no ano de 1938, no Estado de Pernambuco. Ora, por que isso acontece?

A Pitú – empresa, teve seu nome assegurado graças ao apoio da Lei de Registros Públicos. Outra, foi criada antes do acordo de 1943.

Podemos ainda exemplificar: Se você quiser registrar um filho seu com o nome de Phillipe, em vez de Filipe ou Felipe é um direito seu que o tabelião ou tabelioa haverá de respeitar porque a Lei de Registros Públicos dá esse aval. É por esse mesmo motivo que encontramos por esse Brasil afora: Cardoso e Cardozo, Cavalcante e Cavalcanti, Henrique e Enrique, Luís e Luiz, entre outros*.

Fato parecido ocorreu com ASSÚ. O município do ASSÚ foi registrado em 16 de
outubro de 1845. Antes já haviam sido registrados a Freguesia de São João Batista da Ribeira do Assú (1726); Julgado do Assú (1754); Povoação da Ribeira do Assú (1771) e Comarca do Assú, em 1835.

Na verdade, até o Acordo Ortográfico de 1943 não se encontrava o nome do município do Assú escrito com Ç.

Como já vimos, para nomes próprios não existem regras. Por isso, Mossoró já resolveu essa questão.

1986 – O Brasil promoveu um encontro dos sete países de língua portuguesa, onde foi apresentado o Memorando Sobre o Acordo ortográfico da Língua Portuguesa.

1990 – Portugal convocou novo encontro onde foi escrita a base do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

2004 – Ocorre uma reunião em Fortaleza para propor a entrada em vigor do Acordo Ortográfico.

2008 – O Acordo Orográfico de 1990 é aprovado por Cabo Verde, São Tomé, Príncipe, Brasil e Portugal.

2009 – Entrada em vigor do Acordo Ortográfico de 1990 no Brasil e em Portugal.

01 de janeiro de 2016 – Passa a ser cobrada a Reforma Ortográfica.

Fontes:
- https://pt.wikibooks.org/wiki/Portugues/Ortografia/Escrita;
- * Parte de um artigo de Wilson Muniz Pereira – Recanto das Letras;
- Novo Jornal - Cidades - Felipe Galdino - Novas regras gramaticais ainda continuam dando 'dor de cabeça' - 20/05/2016.

Ivan Pinheiro Bezerra

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Messi isola pênalti, Chile volta a frustrar a Argentina e conquista o bi.


Os mesmos times que decidiram a última Copa América voltaram a ficar frente a frente na final deste ano. Mais uma vez, a definição ficou para os pênaltis. O desfecho da história também foi idêntico. O Chile frustrou novamente a Argentina e conquistou o bi neste domingo ao se mostrar mais competente nas cobranças, após empate em 0 a 0 no tempo regulamentar.

Os títulos nas duas últimas edições são os dois únicos do Chile na história da Copa América. Já a Argentina tem como conquista mais recente da competição a de 1993 e não foi campeã de mais nada desde então.

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Lume da Fogueira é bicampeã do Festival de Quadrilhas da Inter TV



Evento terminou na madrugada desta sexta-feira (24) em Monte Alegre. Balão Dourado ficou em segundo lugar e a Junina São João, em terceiro.

O Festival de Quadrilhas Juninas da Inter TV Cabugi terminou na madrugada desta sexta-feira (24) e teve como bicampeã a Cia Junina Lume da Fogueira, de Mossoró. A grande final aconteceu no ginásio municipal de Monte Alegre, na GrandeNatal.

A quadrilha vencedora da categoria estilizada teve a nota 177,8. Em segundo lugar, ficou o Arraiá Balão Dourado. Já a quadrilha Arraiá Junina São João ficou em terceiro. As quadrilhas Atravantu e Padre Piná venceram nas categorias Comédia e Tradicional, respectivamente.

Pelo segundo ano consecutivo, a Lume da Fogueira vai representar o Rio Grande do Norte no Festival de Quadrilhas da Globo Nordeste neste domingo (26) no município de Goiana, em Pernambuco.

domingo, 19 de junho de 2016

Arraiá do Luizão 2016


Apresentações juninas, Despertar Junino, vestimentas a caráter caipira, barracas com comidas típicas, pescaria, bandeirinhas, Xote, Xaxado, Baião e animado "arrasta-pé" com o Som, sonoplastia do nosso amigo Kaká e sorteio de um balaio Junino foram os pontos altos do tradicional Arraiá do Luizão 2016 da Escola Municipal Luiz Moreira da Silva, em Alto do Rodrigues-RN, realizada na noite da última sexta (17.06).

O animado Arraiá do Luizão em comemoração a São João, foi realizado na quadra de esportes anexo da EMLMS e contou com cerca de 14 apresentações de danças com os alunos inclusos de pré I à 5° ano do ensino Infantil e fundamental I e a belíssima apresentação do Projeto Despertar com a quadrilha estilizada/ Despertar Junino: Despertando o meu São João.


A realização da comemoração a São João nas escolas vem para manter a tradição das festas que lembram o mundo caipira e a vida na roça. O objetivo é sempre buscar manter essa tradição brasileira junto às nossas crianças.


O arraiá do Luizão 2016 foi um sucesso e a Equipe Gestora da escola é grata a todas as pessoas que estiveram envolvidas para a realização da festa assim como todos que prestigiaram o evento. “Agradecemos a toda comunidade escolar pela participação, aos educadores pelo esforço direcionado as apresentações e aos trabalhos para a realização da festa, aos alunos pela dedicação nos ensaios e nas danças realizadas, aos pais por nos dar o respaldo necessário, toda a equipe de funcionários tanto da escola quanto da Empresa Petrogas, aos eletricistas  Tonheira e André que nos ajudaram imensamente. Nossos agradecimentos também as secretárias Irani e Nalda, ao secretário de governo Wilson Rodrigues, ao secretário de Obras Wilson Cunha, Adilio e sua turma em fim, a todas as pessoas que contribuíram e a toda sociedade que prestigiou nosso Arraiá do Luizão 2016" - finalizou  a Equipe Gestora da Escola Municipal Luiz Moreira da Silva.

quinta-feira, 16 de junho de 2016

A tocha olímpica chega na Escola Municipal Luiz Moreira da Silva


Os escotistas condutores olímpicos Alex Escoteiro e Neilton Dantas continuam visitando as escolas a convites das instituições para que os alunos possam conhecer, ver e tocar na Tocha Olímpica Rio 2016.


A convite da professora Vaneide do 5º ano "D" vespertino, os condutores visitaram a Escola Municipal Luiz Moreira da Silva.


Para os condutores, o momento de encontro da tocha com os alunos é simplesmente fantástico. Segundo eles, poder ver e sentir a emoção das crianças ao tocarem na tocha. Responder a todas as perguntas feitas por eles é sem preço e sem palavras. A família Luiz Moreira agradece o belo trabalho desenvolvido pelos dois condutores Alex Escoteiro e Neilton.


Veja o vídeo com todas as fotos abaixo:


quarta-feira, 15 de junho de 2016

As festas juninas estão pipocando por todo o país, e nessa sexta-feira (17/06/2016) acontecerá o tradicional Arraiá do Luizão.


As festas juninas estão pipocando por todo país, e por isso convidamos a todos para prestigiar o tradicional Arraiá do Luizão 2016 que acontecerá nessa sexta-feira dia 17/06/2016.

Eita, eita pessoá,
Nós vinhemo aqui cunvidá
Para no dia 17 de junho
Ocê vim participar
Do Arraiá do Luizão
Que vai botá pra arrebentá

Eita que festa animada
Ocê num pode ficar fora não
Vai ter muita quadrilha,
Xote, xaxado e baião
Forró e arrasta-pé
Comemorando o São João.
                
              Jozilene Menezes


Vai ter  sorteio de balaio, rei, rainha, barracas de comidas típicas, de bazar e muita animação e ainda a presença da Despertar Junino.





quinta-feira, 9 de junho de 2016

Bloguinho de oposição publicou inverdades! Esse joguinho político a nossa escola não aceita.


A Escola Municipal Luiz Moreira da Silva, atualmente, sob a direção do Pedagogo (ASG) concursado desde 2002, eleito por eleição democrática pelos alunos a partir de 12 anos, pais, professores e funcionários desta instituição de ensino ENDRISON DOS SANTOS, conta com um núcleo gestor composto de uma Vice - diretora e duas Supervisoras pedagógicas.

Nossa escola, por meio de um ensino de excelência, trabalha na perspectiva do desenvolvimento de valores éticos e socioculturais em nossos alunos. Visando formá-los a luz de uma consciência crítica, colaborativa e participativa para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

Ciente da responsabilidade de zelar por esta nobre missão, vimos exercer o direito de resposta para esclarecer uma denúncia, supostamente feita por uma professora de nossa escola e uma mãe de maneira "politiqueira", postada em um blog que usa de inverdades para atacar o atual prefeito que causou desconforto em nossa comunidade escolar.

A reclamação de que nossos alunos estão bebendo água da torneira, da Caern é um equívoco, um prejulgamento pautado na falta de informação. A mesma água dessalinizada que é oferecida aos alunos é também oferecida aos professores e funcionários. Os alunos trazem garrafas para não ficarem saindo das salas e os  alunos que trazem na garrafinha água é porque o pai quer.

Digo isso com responsabilidade e pelo profissional que sou, pois a primeira coisa que faço na escola é colocar a água dos garrafões com água dessalinizada no bebedouro da Escola às 06:00h da manhã e essa mãe que fez essa denúncia da Escola Municipal Luiz Moreira da Silva desconhece a rotina da escola onde seu filho estuda e a blogueira publicou inverdades.

Vários pais acompanham minha rotina ao colocar a água no bebedouro, pois participam do desjejum dos seus filhos.

Compramos sim três garrafões de água mineral para colocar no bebedouro terça-feira dia 07/06/16, porque o funcionário que traz a água adoeceu e o motorista tinha extraído um dente. E por pensa em nossos alunos compramos porque imprevistos acontecem e ao contrário de "meia dúzia" não procuram resolver os problemas e sim fazer a política suja, a famosa politicagem.

Consideramos importante esclarecer, porque, não admito inverdades usando o nome da nossa Escola. Uma dica a este "bloguinho do Alto" procure divulgar os frutos de nosso trabalho e não mentiras.

Com relação a "professorinha" que usou de politicagem para denegrir a reputação de nossa escola.

Café não é merenda filha e o seu ex prefeito ficha suja nem se quer na semana pedagógica oferecia aos professores minha querida.


É importante reafirmar que a direção da escola vem trabalhando um modelo de gestão democrática e transparente, convidando, pais e responsáveis e juntos tentando solucionar os principais desafios enfrentados por nossa escola. Cabendo, ainda, aos pais a incumbência de levar ao conhecimento da direção da escola as falhas desse processo, para que esta tome as devidas providências.

Por fim gostaria de parabenizar a funcionária Alessandra pelo seu excelente trabalho como auxiliar de secretaria, por ser uma jovem estudiosa, não é à toa que é Federal e ainda ótima professora de dança.

Essa "professorinha" devia fazer aulas de dança com você, só assim não precisaria lhe pagar para ensaiar os alunos dela.

Para finalizar, lembramos que temos trabalhado incansavelmente para a melhoria dos resultados de aprendizagem das nossas crianças e pré-adolescentes, buscando, fazer valer nosso lema, ESCOLA MUNICIPAL LUIZ MOREIRA DA SILVA, ESCOLA  QUE ENSINA, ESCOLA QUE EDUCA!

Professor/Pedagogo(ASG) ENDRISON DOS SANTOS
Diretor Escola Municipal Luiz Moreira da Silva
Mat: 17225  
Aut. 34/2016/SEEC/RN

Arquivo Confidencial com o Professor e Escritor Endrison dos Santos

    O professor e agora de fato escritor foi surpreendido com um arquivo confidencial pelas amigas e familiares! O escritor comentou ao noss...