domingo, 3 de julho de 2016

6. Qualificação e quantidade de educadores



Os educadores precisam por lei ser formados em pedagogia, mas recomenda-se que tenham também uma formação específica para lidar com essa faixa etária (de zero a seis anos) e vivências práticas.

"É o professor quem vai trazer elementos ao imaginário da criança, com estratégias como jogos, músicas, histórias", explica Marcia.

"Os dados parecem mostrar que a formação prática tem mais efeito do que o diploma (na capacidade do educador nessa fase)", diz Santos.

Quanto à proporção, os parâmetros de qualidade do Ministério da Educação recomendam que, na faixa etária de zero a 2 anos, haja 6 a 8 crianças para cada educador; aos 3 anos, 15 crianças para cada educador; a partir de 4 anos, 20 crianças para cada educador.

E turmas menores são melhores para crianças pequenas, diz Beatriz Ferraz. "Turmas grandes causam estresse tóxico", por tornar o ambiente provavelmente caótico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Na escola e na avenida, os nossos versos do dia a dia são repletos de poesia

     Na tarde do dia 08 de setembro de 2022, o autor do livro "Poemas do meu viver", Endrison dos Santos, desfilou no desfile cívi...